Transferência Internacional
de Dados

 

A observância à privacidade internacional de dados tornou-se uma preocupação maior para toda empresa que realiza transferência internacional de dados pessoais, seja intencionalmente ou não. Muitos países, incluindo os estados membros da União Européia, proíbem transferências internacionais de dados pessoais de e para jurisdições como a dos Estados Unidos e Brasil. Nosso escritório orienta seus clientes em questões como adequação à Privacidade Global de Dados. Nossos advogados harmonizam as exigências para transferência internacional de dados pessoais de múltiplas jurisdições para oferecer soluções que permitam o fluxo livre de tais dados ao nível máximo permitido pelas leis das jurisdições envolvidas.

Oferecemos estratégias de cumprimento às leis de privacidade internacionais com base em padrões previsíveis para evitar os riscos associados às transferências de dados pessoais, e para:

  • - Maximizar o fluxo contínuo e livre de dados vitais para negócios;
  • - Minimizar exigências aplicáveis às transferências de dados pessoais; e
  • - Minimizar custos transacionais.